Palestra de Yogi Bhajan – Seja você!

10/9/95 – Berlim,  Alemanha

Uma vez, por brincadeira, comecei a ler as mãos de alguém e vinte pessoas queriam que eu lesse as mãos delas. Todos querem conhecer o amanhã, mas não cuidam de conhecer o hoje. É surpreendente que nós nos chamamos de seres humanos civilizados, com igrejas, professores religiosos, yogis, swamis, pregadores e conselheiros – todos com toneladas de status , mas estão todos mentalmente sós. Há livros, livrarias e revistas, mas são infelizes e solitários. Nunca lhes ensinaram que essa solidão é um poder. Vocês não têm uma prática, então, a cada dia se tornam cada vez mais irritados e duros. Nunca lhes ensinaram a serem vocês mesmo. Ensinaram a serem como a outra pessoa.

Ensinaram-nos erradamente todos esses anos. Nunca nos ensinaram a ser pacíficos ou como alcançar paz na mente quando as coisas estão de pernas para o ar. Nossa existência não é uma existência pacífica e tranquila. Vocês têm uma psique magnética poderosa. Vocês podem simplesmente atrair as coisas, vocês podem obter coisas, mas não os treinaram para fazer isso. Ao contrário, vocês suam e ralam e vão atrás das coisas. Isso é viver? Ralando e correndo atrás das coisas? Seu próprio cachorro não faz isso. Vocês têm Deus e ainda são mendigos pedindo as coisas: “por favor, eu posso, eu deveria, poderia me amar? Poderia gostar de mim?” Que espécie de vida é essa?

Como viajo para todos os lugares, observo essa doença comum, esse desequilíbrio. Estamos sofrendo porque não confiamos em nós mesmos. É simples. Não há autoconfiança. Nós olhamos no espelho e queremos parecer bem e conversar para convencer o outro. Nós não queremos conhecer o outro.

É muito importante que vocês sejam vocês, mesmo se estiverem doentes, com fome ou cansados – apenas sejam vocês. Apenas isso. Isso é muito importante. Pensem, quando vocês não são vocês, como  a situação é infeliz.

O momento que chega é para que se transformem em seus próprios mestres. Parem de caçar mestres. Tornem-se a sua própria realidade e parem de buscar religião. Parem de procurar Deus. Sejam vocês. Tornem-se seu próprio Deus. No princípio, no meio e no fim, estão vocês e vocês sozinhos. Então vivam bem com sua paz interior, com sua força interior. E, quando se sentirem fracos, chamem pela sua alma, a sua amiga. Para começar, sentem-se e façam uma respiração por minuto. Em exatamente 30 segundos, sua alma começarçá a comunicar-se com vocês. Em três minutos, vocês podem mudar seu humor. Então, por que estão sofrendo?

Em média, vocês fazem 15 respirações por minuto. Suponha que viverão 100 anos. Se respirarem uma respiração por minuto, poderão viver 150 anos, porque a vida é medida pela respiração,  não pelos anos ou pelo calendário. Quando estão fora de equilíbrio,  sua respiração está superficial e rápida, e  farão em média 20 a 25 respirações por minuto. Com boa saúde, vocês respirarão 10-12 respirações por minuto e, no melhor estado mental, cinco a sete respirações por minuto. Mas, se fizerem uma respiração por minuto, por 11 minutos todos os dias, estarão com a mente sob seu controle.

O tempo está chegando. Vocês têm que ser vocês – seres humanos belos, generosos e abençoados. Ninguém pode criá-los. Deus os criou em Sua própria imagem. Não criem suas próprias imagens. Apenas tenham uma imagem sua sendo os seres de Deus. Isso é muito humano e tem a ver com a Era Aquariana. Será a Era dos humanos e de paz, amor e serviço. Todos viveremos como uma única família e as guerras cessarão. Os seres humanos e a humanidade prevalecerão novamente. Como o Muro de Berlim caiu, outros muros cairão. Todos estaremos unidos sob um Deus, um espírito e um ser.

* Uma respiração por minuto: sintonize com Ong Namo Guru Dev Namo, por 3-5 vezes. Sente-se com a coluna reta. Inspire profundamente em 20 segundos, suspenda por 20 segundos e exale por 20 segundos. Você pode começar com 10 segundos e ir aumentando gradualmente.

» TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Cadastre-se em nossa

Newsletter

Copyright [AKYM BR] – Associação Nacional de Professores de Kundalini Yoga.