As Pedras e a Prosperidade

Por Hari Jiwan Singh Khalsa

Fonte: (Aquarian Times – Outono 2001) – Traduzido por: Lais Guru Suroop Kaur

            Tradicionalmente as pedras têm sido usadas para neutralizar ou afastar efeitos negativos assinalados no mapa astrológico. Desde há muito tempo elas vêm sendo usadas para cura. Recentemente, vêm sendo empregadas para aumentar os benefícios assinalados no mapa astrológico e só mais recentemente vêm sendo colocadas como ornamentos ou símbolos de riqueza.

            Com exceção de poucas pedras orgânicas, como o coral ou a pérola, uma gema é a mais alta concentração da energia mineral, numa forma cristalizada, no planeta. Além disto, quando uma gema é examinada através de um prisma, sua verdadeira cor cósmica é revelada, permitindo seu uso na cromoterapia. Se usada corretamente, esta energia concentrada é projetada para dentro do corpo com resultados potencializados. Quanto mais sensível a pessoa, maior o efeito experimentado.

            Apesar de haver certas regras para se obter o efeito específico de certa pedra, há outros fatores externos, como os astrológicos, o biorritmo e a sensibilidade que afetam a natureza de uma gema. A ciência que combina todos estes fatores vem sendo praticada na Índia há milhares de anos. Ela é parte da Ayurveda, a antiga ciência da vida, e é chamada “Gemologia”. Sua prática geralmente vem associada à Astrologia, herbologia e homeopatia.

            Como relacionar as gemas à prosperidade? Que pedras usar para este objetivo? Qual a melhor pedra para mim?

            As pessoas familiarizadas com a gemologia sabem que a safira amarela é a pedra mais poderosa para a prosperidade. Não é muito cara e é muito bonita. Ela se relaciona com boa sorte, riqueza e disciplina. Sua cor cósmica é violeta e o planeta Júpiter é seu regente. As pedras que podem substituir a safira amarela são: o citrino ou o topázio amarelo. Elas são muito boas para o uso geral, mas você pode estar buscando resultados específicos. Por exemplo, as pedras podem ajudar a criar estados desejados da mente. Em relação à prosperidade isto significa o seguinte:

            Se sente que não é capaz de se comprometer inteiramente, sendo isto um bloqueio à sua prosperidade, então o coral é a pedra que deverá usar. O coral é regido pelo planeta Marte e sua cor cósmica é o amarelo. É agressivo, corajoso e guerreiro e ajudá-lo-á a manter um compromisso. O coral é uma das poucas pedras não transparentes, por isto ajuda a criar um compromisso sólido, feito com vigor. O coral não é uma pedra muito cara. A cornalina e o jaspe verde podem ser usados como substitutos e são mais baratos.

            Se a disciplina é a dificuldade, então o rubi é a pedra que precisa. O rubi é regido pelo Sol e tem um raio cósmico vermelho. É disciplinado e a fonte de todos os fenômenos materiais existentes. Um rubi não só ajuda a manter o fogo para a disciplina, mas também ajuda a providenciar sabedoria terrestre, através da intuição, para saber qual disciplina deverá ser seguida. Os rubis são muito caros, mas você poderá substitui-los por um espinélio vermelho, ou uma granada vermelha, ou uma zircônia vermelha, ou uma turmalina vermelha. Elas são excelentes substitutos.

         Se você tem dificuldade para aceitar expectativas maiores, então a esmeralda é a sua pedra. O planeta Mercúrio rege a esmeralda e sua cor cósmica é o verde. Uma esmeralda tem a virtude de ser flexível, tolerante, delicada, sutil e comunicativa. Como o rubi ela é uma pedra cara. Uma água marinha, um zircão verde, uma turmalina verde podem ser usadas como substitutos. e são de preços variados.

          Algumas outras pedras da Ayurveda podem também ser usadas para promover a prosperidade. Um olho de gato é usado, entre outras coisas, para dar intuição. Alguém que esteja em busca da prosperidade precisa, sem dúvida, estar sempre um  passo á frente do tempo. Uma pérola é usada para imaginação e flexibilidade: estas duas virtudes andam passo a passo com o sucesso. Uma safira azul é freqüentemente usada para paciência e reflexão: algumas vezes temos que dar um passo atrás para ver onde estamos e, depois, continuar. A hessonita (uma variedade marron ou amarela-amarronzada de granada é usada para aumentar sua natureza animal ou hedonista. Quando posicionada corretamente é capaz de trazer fama, riqueza, beleza e sabedoria. Um diamante é para o amor , a beleza e atração: estas virtudes são autoexplicativas.

            Lembre-se de que, se estiver em dúvida, use a safira amarela, ela sempre ajuda. Alguns efeitos devem ser observados para intensificar os efeitos das pedras. Todas as pedras, se usadas como um anel, devem estar tocando a pele, ou o mais perto possível dela. Elas deveriam estar numa base aberta para que a luz possa ser filtrada, através da pedra, diretamente para dentro do corpo. E cada pedra mencionada deve ser usada no terceiro dedo (anular) ou dedo do Sol, com exceção da safira amarela que deve ser usada no primeiro dedo (indicador).

            É alegre, bonito, criativo o uso das pedras e pode trazer a prosperidade. É mais uma ferramenta neste fabuloso reino e muito poderosa.

» TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Cadastre-se em nossa

Newsletter

Copyright [AKYM BR] – Associação Nacional de Professores de Kundalini Yoga.