Meditações 2020

Equilíbrio
emocional 2.0

Por Guru Meher Singh

Fonte: www.3ho.org – Yogic Living

Tradução: Guru Suroop Kaur

———-Quando você se sente mal, fazer Kundalini Yoga faz você se sentir melhor. Estressado e chateado? Faça um conjunto forte e você pode se tornar calmo e pacífico. Existem muitos kriyas e meditações especificamente para o equilíbrio emocional, para livrar-se do medo e da raiva e liberar pensamentos negativos. Não é incomum na sala de aula chorar espontaneamente e depois sair se sentindo bem.———-

———-Kundalini Yoga limpa poderosamente, fortalece e gera estados emocionais positivos. Este é o Balanço Emocional 1.0. É maravilhoso. E não é suficiente!

———-Buscar o prazer, mesmo neste nível espiritual superior e evitar a dor é fundamentalmente o que o yoga nos aconselha a transcender. O iogue vive, além da polaridade, na neutralidade. Evitar o lado sombrio de nossos medos, pensamentos negativos e outros sentimentos pesados ​​leva à falta de autenticidade, pretensão, desvio espiritual, neurose e, eventualmente, doenças físicas e mentais. A alma nos move firmemente em direção à totalidade. Portanto, não lidar com nossas feridas e seus padrões emocionais causa rachaduras em qualquer revestimento espiritual, eventualmente.

———-Uma prática forte, atos e atitudes de serviço, devoção e pensamento positivo são como fazer uma ótima dieta; eles constroem força mental / emocional e saúde rapidamente, enquanto nos desintoxicam psicologicamente. A prática positiva é o fundamento permanente, mas se houver rachaduras – feridas não assistidas na psique – elas aparecerão e crescerão com o tempo.

———-Chame isso de “surtar”, Shakti Pad ou apenas desmoronar; não faltam histórias de advertência de grandes professores, líderes e praticantes espirituais sinceros que perderam seu precioso progresso, estatura e “capital” espiritual devido à máscara e evasão.

———-Quando buscamos e valorizamos apenas as emoções “positivas” confortáveis, ignorando ou reprimindo as desconfortáveis, os ​​sentimentos “negativos”, como nos aconselham a maioria dos yogas, terapias, caminhos espirituais e a sociedade em geral, mais tarde,  a dor inevitável virà à medida que a alma empurra os problemas para a superfície para que eles possam ser resolvidos. Na era aquariana, não há como esconder-se, nem mesmo de nós mesmos. Os tempos exigem que enfrentemos qualquer escuridão para conseguir a união com nosso eu pleno.

———-Darth Vader estava certo sobre uma coisa, há poder no lado escuro. Lidar com negativos percebidos para incorporar seus benefícios também é conhecido como Trabalho das Sombras (veja o trabalho de Debbie Ford, O Lado Negro dos Caçadores de Luz). Meu livro, Senses of the Soul, usa as ferramentas de Kundalini Yoga para nos ajudar a mergulhar com segurança em pensamentos e emoções difíceis conscientemente, em busca de cura e orientação. Isso sempre traz um nível mais profundo de paz e unidade. Este é o Emotional Balance 2.0: buscando a luz sem ter medo do escuro.

———-Recentemente, um estudante de Senses of the Soul me disse: “Ocorreu-me que eu costumo usar a meditação para escapar de minhas emoções. Mas isso (trabalho SOS) tem um ângulo diferente, para reconhecê-las e aprofundar-se no trabalho com elas. No começo, tive tanta resistência em enfrentar meu medo e raiva, mas isso trouxe grande percepção e mudança. ”

———-O Equilíbrio emocional 2.0 é confiar e trabalhar conscientemente com a sabedoria natural e intuitiva do sistema sensorial, incluindo as emoções sombrias, desconfortáveis ​​e muitas vezes desconsideradas. Quando pensamos em Tristeza, Depressão ou Raiva sob nós, perdemos os dons de Amor, Renovação e Poder que eles trazem respectivamente. O uso da raiva por Yogi Bhajan para despertar e motivar os alunos é bem conhecido. Quando o Dalai Lama foi perguntado se ele ficou bravo, ele riu e disse, é claro, mas ele também se recupera rapidamente.

———-As emoções não são não espirituais; elas dizem quando algo o está afastando do seu eu superior, feliz e pacífico. O uso consciente de suas emoções pesadas e os gatilhos recorrentes trazem presentes e orientações úteis. Mais comumente, abusamos das emoções de duas maneiras. Em uma extremidade do espectro está a reatividade; sentimentos assumem o controle e perdemos o controle. O oposto de Reação é Repressão, na qual substituímos nossos verdadeiros sentimentos para fingir que nada está errado, ou pior, desassociar e nem mesmo saber que estamos em perigo.

———-A chave para o trabalho emocional hábil é o “caminho do meio” entre esses dois. Consciência atenta, observação neutra, mente meditativa encontra o corpo emocional e a experiência somática dos sentimentos e todos descrevem essa nova abordagem.

———-O que estou dizendo é: traga emoções à sua prática espiritual! Quão? Primeiro, prepare-se. A ativação emocional aciona seu sistema límbico e sua consciência fica escura. Então prepare-se com algum pranayama forte ou Kriya. Isso lhe dá força no sistema nervoso, confiança pessoal e clareza mental para enfrentar sentimentos intimidadores.

———-Na meditação, o córtex pré-frontal é ativado, dando a você a capacidade de permanecer presente enquanto sente totalmente suas emoções. Esse “diálogo entre pares” entre intelecto e emoção produz respostas intuitivas para resolver o que estiver lhe incomodando.

———-Cavar emoções para recuperar o equilíbrio é simples e natural. É um conjunto de habilidades que pode levar tempo para se desenvolver. Desinformação e mau uso da emoção são a norma social. Mas aqui está o novo padrão, defina-o como um objetivo para si mesmo:

Quando você se sente mal,

-Você sabe o que está sentindo (nomear a emoção é importante para resolvê-la.)

-Você sabe por que está sentindo isso. (Identifique a fonte real de sua perturbação.)

-Você sabe como voltar ao bem-estar. (O que fazer ou entender para se sentir melhor.)

-E você faz isso para estar no seu melhor.

Yogi Bhajan chamou as emoções de sentidos da alma. Escute a alma não através das palavras, mas através dos sentimentos. Seja claro e entre. Explore esta última fronteira de autoconsciência e obtenha sua inteligência emocional!

Meditação para gerenciar a energia

26.02.85

Library of Teachings

Tradução: Guru Suroop Kaur

Esse kriya, praticado fielmente, produz uma vitalidade no corpo etérico, de modo que se torna extremamente forte e começa a regular totalmente as glândulas físicas. Isso equilibra o sistema glandular, de modo que as emoções se tornam constantes e a mente se torna divina em seu potencial real. As glândulas secretam no ritmo total da psique individual e não a partir de segmentos fragmentados do eu. Essa nova unidade é o êxtase.

Parte 1 

Respiração com a boca em “O”: 5 minutos 

  1. Sente-se em postura fácil com a coluna reta.
  2. Levante a mão direita até a base da garganta.
  3. Com o polegar e a ponta dos dedos, pressione o ponto logo abaixo das saliências da clavícula (onde a clavícula e o esterno se encontram; esse é um ponto reflexo da glândula timo).
  4. Insira os dedos da mão esquerda na dobra do joelho esquerdo, palma contra a coxa.
  5. Transforme a boca em um “O” e respire duas vezes por segundo, como se estivesse soprando bolhas. Use as bochechas.

Parte 2 

Respiração normal: 2 minutos 

  1. Ao continuar meditando, feche os olhos gradualmente e comece a visualizar as bolhas.
  2. Mantenha as mãos no mesmo lugar enquanto relaxa completamente a cabeça, o pescoço e os ombros. Não force nenhuma parte do corpo acima do diafragma.
  3. Comece a respirar normalmente.

Parte 3 

Deixe cair a cabeça e os ombros: 2 minutos 

  1. Continue com as mãos no lugar e deixe a cabeça e os ombros caírem.
  2. Mantenha os olhos fechados e continue visualizando as bolhas e respirando normalmente.

Para terminar:

  1. Inspire profundamente, expire e prenda a respiração por 30 segundos. Relaxe.

Cadastre-se em nossa

Newsletter

Copyright [AKYM BR] – Associação Nacional de Professores de Kundalini Yoga.

Mensagem para a Sangat Nacional de Professores

   A AKYM abriu oportunidades aos professores associados que estejam interessados em se voluntariarem na participação de novos projetos.
   Quando desejarem participar de um seva, não esperem nada em troca, mas inevitavelmente ganharão experiência e a alegria do pertencimento. Assim são os professores que dão aulas pela AKYM, eles se projetam e se tornam conhecidos por um grupo muito mais vasto. E, nós, da AKYM, ficamos felizes em dar esta oportunidade aos nossos professores e a unir ainda mais nossa associação.
    O primeiro projeto aberto aos voluntários, é conduzir uma meditação diária, às 18h, no sistema de rodízio, isto é, será realizada uma escala e cada professor voluntário ficará responsável por determinado dia, de acordo com a sua disponibilidade.
    E mais, se você ainda não se animou em participar por dificuldades ou insegurança no uso da plataforma Zoom, a AKYM providenciará uma oficina para esclarecer dúvidas e oferecer treinamento no uso da ferramenta.
  Por fim, a AKYM também está planejando montar grupos de estudos com objetivo de aperfeiçoamento e crescimento aos professores voluntários que estiverem participando dos projetos. Aguarde!!!

A AKYM está com você, a AKYM pensa em você, a AKYM é para você.
Aguardamos sua adesão e seu entusiasmo.